Eric Scribner

Entrevista

Realização artística mais importante antes de se reunir à equipe do Cirque du Soleil:

Trabalhei para grandes produções em Las Vegas.

Quando você se reuniu à equipe do Cirque du Soleil?

Eu fui contratado como substituto em ZUMANITY em janeiro de 2004 e, em seguida, em «O», em 2005. Em 2006, fui contratado de maneira permanente para o show KÀ.

  • Eric Scribner
  • EUA
  • Baterista
Quando você se reuniu à equipe do Cirque du Soleil?

Eu fui contratado como substituto em ZUMANITY em janeiro de 2004 e, em seguida, em «O», em 2005. Em 2006, fui contratado de maneira permanente para o show KÀ.

Como aconteceu seu primeiro contato com o Cirque? Qual era o contexto?

Um amigo me convidou para um encontro de informação com os músicos locais organizado por um representante do Casting do Cirque du Soleil.

Nos fale sobre sua audição, formação ou oficina.

Minha audição para substituição foi baseada em quatro peças tiradas da trilha sonora de ZUMANITY. A audição aconteceu no teatro com a orquestra completa. Foi extraordinário!

Como foi a sua integração ao espetáculo?

Eu tive sorte, pois me deram seis semanas para aprender a música do espetáculo. Por isso, minha integração foi fácil.

De que maneira fazer parte de um espetáculo do Cirque du Soleil permite que você se exprima em sua disciplina?

O Cirque encoraja os artistas a apresentarem suas idéias… É um ambiente onde eu tenho a oportunidade de fazer coisas criativas a cada noite.

Do que é que você gosta mais como membro do Cirque du Soleil?

O que mais gosto no Cirque são as pessoas. A atmosfera é enérgica e positiva, e tudo é fantástico.

Como foi a transição de sua carreira anterior a seu papel atual no Cirque?

Como eu sempre fui músico, isto não foi uma grande mudança de carreira. Por outro lado, agora eu tenho um seguro e férias pagas.

Por que você recomendaria a um artista de se tornar membro do Cirque?

São pessoas fantásticas que lhe incentivam a ser criativo e que querem lhe ver progredir como artista.

Como é a vida em Las Vegas?

Las Vegas é uma cidade muito boa com escolas, bibliotecas e coisas para fazer ao ar livre… A única diferença é que a cidade se encontra a dois passos da melhor vida noturna do mundo.

Você gostaria de fazer outros comentários?

Trabalhar para o Cirque foi um sonho que se tornou realidade!