Lisa Skinner

Entrevista

Realização atlética mais importante antes de começar a trabalhar para o Cirque du Soleil:

Três participações nos jogos olímpicos, quatro participações no campeonato do mundo e uma participação nos jogos do Commonwealth.

Nos fale um pouco de seu percurso atlético antes de se reunir à equipe do Cirque du Soleil:

Eu pratiquei ginástica de seis a 23 anos de idade.

  • Lisa Skinner
  • Austrália
  • Ginástica artística - Power Track
Quando você se reuniu à equipe do Cirque du Soleil?

Eu comecei a trabalhar para o Cirque du Soleil em abril de 2006.

Como você descobriu o Cirque? Qual era o contexto?

Durante as competições em Atenas, em 2004, eu tive a oportunidade de encontrar um membro do Casting do Cirque du Soleil.

Nos fale sobre sua audição, formação ou oficina.

Foi algo fora do comum! Era uma mistura de acrobacias avançadas e de arte, de fantasia e de realidade e de que existe entre os dois. A gente nunca sabia o que ia acontecer!

Como foi a sua integração ao espetáculo?

Tudo aconteceu rapidamente e sem nenhuma dificuldade. Um minuto, eu assistia ao espetáculo e logo depois, eu participava dele! Desde minha chegada, as pessoas têm sido acolhedoras e me ajudado muito.

De que maneira fazer parte de um espetáculo do Cirque du Soleil permite que você se exprima em sua disciplina?

A gente tem realmente a oportunidade de mostrar o que sabe fazer de melhor. É um sentimento maravilhoso poder se apresentar diante de uma multidão de boca aberta a cada um de nossos movimentos!

Do que é que você gosta mais como membro do Cirque du Soleil?

Eu gosto de poder acordar todas as manhãs e não ver a hora de ir trabalhar. Na verdade, eu nem sinto que estou indo trabalhar!

Como foi a transição de sua carreira anterior a seu papel atual no Cirque?

A transição foi muito fácil. É realmente extraordinário que o Cirque du Soleil possa nos oferecer a oportunidade de fazer uma carreira utilizando os talentos acrobáticos e artísticos que passamos tantos anos aperfeiçoando.

Por que você recomendaria a um artista de se tornar membro do Cirque?

É uma experiência formidável que você não esquecerá e da qual não se arrependerá nunca.

Como é a vida numa turnê?

Extraordinária!