Michael Joseph Hachey

Entrevista

QUAL FOI SUA MAIOR REALIZAÇÃO ARTÍSTICA ANTES DE INGRESSAR NO CIRQUE DU SOLEIL?

Apresentar-me na revista musical da Broadway ''Holiday On Broadway” de Neil Berg.

CONTE-NOS MAIS SOBRE SUA CARREIRA ARTÍSTICA ANTES DE INGRESSAR NO CIRQUE.

Comecei a tocar trompa com 11 anos, o que me deu uma bagagem orquestral. Logo em seguida, descobri o baixo através de alguns amigos e programas comunitários, e comecei a me apresentar como contrabaixista acústico e elétrico, tocando diversos estilos em muitos grupos diferentes.

  • Michael Joseph Hachey
  • EUA
  • Instrumentista - Cordas/Baixo elétrico/Contrabaixo acústico
QUANDO VOCÊ INGRESSOU NO CIRQUE DU SOLEIL? COMO FOI O SEU PRIMEIRO CONTATO COM A ORGANIZAÇÃO? QUAL ERA O CONTEXTO?

Ingressei no Cirque du Soleil em 2011. Estava ativamente procurando emprego e encontrei uma oportunidade de audição para baixistas no site Craigslist. Gravei algumas músicas e enviei meu vídeo de demonstração. Esperei pacientemente por mais de 2 anos, e finalmente recebi uma ligação de um caça-talentos edindo que eu praticasse o estilo rockabilly com contrabaixo acústico a fim de me preparar para uma audição ao vivo em Las Vegas para o espetáculo Viva ELVIS.

COMO FOI A EXPERIÊNCIA DA AUDIÇÃO?

Na audição ao vivo, fui tratado como um rei. Conheci alguns participantes da família do Cirque, e durante todo o tempo que toquei todos eles tinham um sorriso enorme estampado no rosto. O simples facto de participar da audição foi uma experiência muito recompensadora. Todos foram muito receptivos. Foi incrível.

COMO FOI O PROCESSO DE INTEGRAÇÃO NO ESPETÁCULO?

O processo de transição para o espetáculo foi bastante simples. Mesmo no primeiro dia, todos na equipe foram muito prestativos e receptivos. A ideia principal é se concentrar na sua arte e no que você está levando para o espetáculo. A banda e todo o elenco me receberam de braços abertos quando cheguei.

TRABALHAR NO CIRQUE É DIFERENTE DO QUE VOCÊ TINHA IMAGINADO?

Não foi exatamente como tinha imaginado... Pensei que eu ficaria escondido atrás de uma cortina com um porta-partitura. Porém, uma das coisas mais incríveis do Cirque é o modo como os músicos ao vivo são incorporados nos seus espetáculos. É muito especial essa interação entre artistas e músicos; receber dicas, ler o que está acontecendo no espetáculo e poder tocar consequentemente. O Cirque respeita de verdade os músicos e artistas.

DE QUE MANEIRA PARTICIPAR DE UM ESPETÁCULO DO CIRQUE DU SOLEIL PERMITIU QUE VOCÊ SE EXPRESASSE EM SUA MODALIDADE?

Para mim, me apresentar com o Cirque du Soleil como músico tem sido uma experiência única e muito diferente de tudo o que já fiz anteriormente. Eu adoro esse estilo de trabalho assim como o horário das apresentações. Sinto como se tivesse um personagem no espetáculo, e isso me permite ter uma personalidade no palco. É um desafio recompensador. Presenciar todo esse outro mundo de artes circenses, danças e acrobacias é incrivelmente inspirador e empolgante de se fazer parte.

O QUE VOCÊ MAIS GOSTA EM FAZER PARTE DO CIRQUE DU SOLEIL?

Fazer parte dessa família e aprender com todos ao meu redor. Todos são especialistas e são realmente os melhores no que fazem. Aprendi muito com este elenco tão diversificado.

POR QUE VOCÊ RECOMENDARIA QUE UM ARTISTA INGRESSASSE NO CIRQUE?

Podemos compartilhar nossa opinião sobre a música enquanto temos a chance de trabalhar com as melhores pessoas do ramo. Da equipe de som aos técnicos e aos artistas, todos exibem sua especialidade de maneira coletiva para fazer do espetáculo uma experiência incrível. O Cirque oferece uma experiência de espetáculo única, completamente diferente de tudo que existe atualmente.

QUAL É O SEU CONSELHO OU SUA SUGESTÃO PARA JOVENS MÚSICOS?

Agarre-se à sua paixão pela música e pela sua arte, seja qual for. Tente a sua sorte no Cirque e participe de uma audição; quem sabe, talvez seus talentos únicos se enquadrem perfeitamente a um espetáculo. O Cirque du Soleil também está ativamente procurando músicos talentosos, e não apenas acrobatas e dançarinos. Depois de dois anos esperando, eu tinha certeza de que eles haviam se esquecido de mim. Mas o Cirque e o Casting me mostraram que realmente analisam cada candidato, e finalmente fui escolhido para participar de um espetáculo. Se você é um especialista com uma bagagem única na música e apaixonado pelo que faz, envie sua inscrição.

QUAIS OPORTUNIDADES O CIRQUE LHE PROPORCIONOU?

O Cirque me proporcionou uma oportunidade tremenda de criar uma carreira completa por meio das minhas habilidades únicas como músico. Fazer parte dessa família tem sido uma experiência muito recompensadora para mim. Como músico, é realmente diferente de qualquer outra coisa!